Translate

terça-feira, 24 de julho de 2018

PRÉ-CANDIDATO CARLOS BATATA FALA DE SUAS PROPOSTAS PARA O DESENVOLVIMENTO DO AGRESTE




Em reunião realizada no último domingo (22.07.18) os pré-candidatos a deputado federal, Carlos Batata (DEM) e Alberto Feitosa, estadual, estiveram visitando os municípios de Capoeiras e Caetés no Agreste Meridional. Em Caetés eles firmaram compromisso com várias associações rurais, onde irão lutar para que o recurso  vindo direto do (PRORURAL), seja destinado diretamente às associações, onde eles possam escolher em qual área será investido, pois segundo Batata, com o governo Paulo Câmara isso tem sido feito da seguinte maneira, esse recurso é repassado para o próprio governo, tirando o direito das associações. Batata disse ter um acordo firmado, com Armando Monteiro, em recuperar a bacia leiteira, com os produtores de leite e queijos, ampliando sua produtividade e principalmente qualificando o homem do campo, onde eles possam gerir suas propriedades com planejamento correto. 
Outro fator importante será a luta para que os agricultores possam adquirir o Pronaf, mais que seja o valor real, que hoje varia de 5 à 15 mil reais, mais para agricultura familiar, passa dos 200 mil e para avicultura e suinocultura pode atingir até 300 mil reais, e hoje os agricultores não tem acesso a essa linha de crédito.


Sobre a adutora que vai abastecer Caetés e Capoeiras,  Batata afirmou que o recurso foi liberado pelo Ministro da Integração, Hélder Barbalho, no valor de 15 milhões que foi repassado para a Compesa, portanto esse recurso vem do governo federal e não do governo do estado, também destacou a luta do ex-ministro Mendonça Filho para a realização dessa obra, qualquer outra versão é mentirosa.
Batata, declarou que ele e Feitosa irão manter um compromisso com o esporte e a cultura, onde ele irá destinar recursos de suas emendas individuais,  para Pernambuco, em toda região Metropolitana e no Agreste Meridional. 
Já em Capoeiras Batata engrossou o discurso, disse estar triste com o total abandono que o município se encontra, onde não há investimentos no homem do campo, como aração de terras, distribuição de sementes entre outros, destacou que mais de duzentos funcionários contratados foram demitidos e outros estão com os salários atrasados, acrescentou dizendo que falta uma saúde de qualidade, educação adequada, mais afirmou que junto com Feitosa irá angariar recursos para recuperar o município, destacou que isso só será possível se tiver um prefeito que se preocupe em administrar e trabalhe com parceria, principalmente que venha ter um representante na esfera federal e estadual.


Nenhum comentário:

Postar um comentário