Translate

sábado, 17 de fevereiro de 2018

QUÍNTUPLO HOMICÍDIO REGISTRADO EM SÃO JOSÉ DA COROA GRANDE



Na manhã de hoje  (17.02.18),
cinco pessoas foram assassinadas  em São José da Coroa Grande,no Litoral Sul de Pernambuco.

A Polícia Civil,  relata que a principal suspeita  da motivação do quíntuplo homicídio seria por vingança, devido ao triplo homicídio que aconteceu na última quinta-feira (15.02), no Bairro Vila Jagatá,  quando três adolescentes, envolvidos em briga de gangues, foram assassinados em frente a casa de um deles.
Viaturas foram enviadas ao local do crime de acordo com as informações repassadas pelo  Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP). Delegado e peritos do Instituto de Criminalística (IC) também dirigiram-se a São José da Coroa Grande,  para dar início as investigações.
O delegado titular da cidade, o Delegado Dr. Manuel Martins, afirmou que existe uma intensa briga de gangues na localidade.
Os suspeitos do triplo e do quíntuplo homicídio ainda não foram identificados.

Em nota divulgada no início da tarde deste sábado, a Secretaria de Defesa Social de Pernambuco (SDS) informa que o governador de Pernambuco de Pernambuco, Paulo Câmara, se reuniu com a cúpula da segurança do Estado esta manhã e determinou "empenho total das polícias na elucidação e prisão dos suspeitos". Também determinou a "garantia da tranquilidade e ordem para a população local".

A nota informa também que os gestores da segurança pública se encontram no início desta tarde com o prefeito de São José da Coroa Grande, Jaziel Gonçalves Lages (Pel), para traçar estratégias para prender os suspeitos. Participam do encontro, o secretário-executivo de Defesa Social de Pernambuco, Humberto Freire, o comandante-geral da PMPE, coronel Vanildo Maranhão, e do chefe da Polícia Civil, delegado Joselito kehrle".

“As equipes das polícias Civil, Militar e Científica já estão em campo, reforçadas, e trabalhando de forma intensa e integrada na identificação e, posteriormente, capturas dos suspeitos. Estão incluídas equipes do Bepi, Bope (ambos da PM), Core e DHPP ( da PCPE). O trabalho só acabará com a prisão dos envolvidos. Informações iniciais são de que os homicídios estão interligados com outros dos últimos dias e são decorrentes do envolvimento das vítimas com o tráfico de drogas em decorrência do enfrentamento de dois grupos de traficantes de drogas”, diz o secretário-executivo na nota.

Nenhum comentário:

Postar um comentário